Aprenda como escolher a base certa para cada tipo de pele 

Depois destas dicas, você não vai mais errar na hora de comprar o produto.

Cada mulher tem um tipo de pele com um comportamento específico. Isso mesmo. E o que serve para uma pode não ser a melhor opção para outra. E como escolher a base certa para cada tipo de pele e ser feliz com um resultado profissional e bonito?

O mercado tem muitas ofertas de base: líquida, em mousse, cremosa, pó…e a cada dia são lançadas mais novidades. É fácil de se perder, não é mesmo? Então confira agora qual a base ideal para a sua pele.

Toda mulher deve saber como escolher a base certa para cada tipo de pele.

As mulheres costumam ficar em dúvida sobre qual o melhor tipo de base. (Foto: Divulgação)

Como escolher a base certa para cada tipo de pele

1 – Base Líquida

Base líquida Ultra HD Cover Foundation. (Foto: Divulgação)

A pele seca pede um cuidado especial. A base precisa ser hidratante para não marcar vincos e linhas de expressão.

O ideal é que a base seja líquida, fluida e com aspecto natural. Na pele da mulher madura ou seca, o acabamento precisa ser viçoso, devolver o brilho. Não pode ser mate.

É fundamental caprichar na preparação pré-base. Um hidratante para o seu tipo de pele e água termal, que ajuda a recuperar água e ajudar a base a fundir com a pele, tirar qualquer chance de um aspecto “máscara”.

2 – Base em Mousse

Base mousse Maybelline. (Foto: Divulgação)

A base em mousse é democrática. Funciona na pele oleosa, mas também na pele seca. O que ela tem de tão especial? Verifique se a base é livre de óleo. Muitas nessa categoria “aerada” o são.

O resultado final é de uma cobertura leve e natural. Funciona bem para as mulheres que desejam algo mais simples ou que não aparentem estar muito maquiadas durante o dia.

3 – Base Cremosa

Base Cremosa Tracta. (Foto: Divulgação)

A base cremosa é mais interessante se dispensada em peles oleosas. Isso porque ela costuma ter um acabamento um pouco mais pesado que as demais, o que pode dar um resultado nada natural e até “mascarado”.

Mas, no geral, ela acaba tendo melhor durabilidade. Se você não abre mão de uma boa cobertura, vale a pena buscar opções livres de óleo e indicadas para o seu tipo de pele.

Chegou em casa? É hora de remover a maquiagem. Dessa forma, você evita entupir os poros da face e deixar sua pele ainda mais oleosa.

4 – Base em Pó

Base em pó Mary Kay. (Foto: Divulgação)

Base em pó, base mineral. Há algumas versões de base em pó no mercado para quem gosta de um aspecto mais leve de cobertura.

Se é o seu caso, saiba que o pó combina super bem com peles oleosas. Ele dá uma finalização matte e bem sequinha, tudo o que você precisa.

Para pele madura ou seca, já não é a melhor pedida. Pode evidenciar linhas de expressão por não ser tão hidratante.

5 – Base Compacta

Base compacta O Boticário. (Foto: Divulgação)

A base compacta é densa e costuma ter uma cobertura alta. Não é a mais indicada para pessoas de pele madura ou seca, pois pode acabar dando o efeito “reboco” que ninguém gosta. E pior: craquelando a pele e revelando rugas que nem você sabia que tinha.

Já escolheu a melhor opção para você? Agora você já sabe como escolher a base certa para cada tipo de pele. Compartilhe essas dicas valiosas com as amigas!

Comente